sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Cansaço


Tired by billysphoto

Ando cansado. Ando eu, anda toda a gente. Uns mais que outros, mas toda a gente está de qualquer forma cansada: tal como miserável. Uns estão cansados de viver, outros por viver. Uns cansados de não fazer nada, outros por nada quererem fazer, e não poderem. Um descanso às vezes iria bem. Hoje ir-me-ia bem. Ficava-me bem: até combina com o meu tom de pele. Deixo de ter alma, por esta ter estado tão forte algures no tempo. E apetece-me descansar. E a todos nos apetece descansar.

Quem corre por gosto não cansa, mas algum dia terá de parar, e quando parar vai notar o cansaço... Eu não sei em que me canso mais: se a correr se a me cansar de correr. A nossa vida é uma jornada, e temos muito que correr. Temos duas opções gostarmos da corrida, e não parar até ao fim até sucumbirmos no meio da estrada, ou queixar-mo-nos toda a corrida, e acabar o nosso caminho estafados, felizes ou não, mas aliviados.

O cansaço cansa. E atrapalha. O cansaço consegue moldar a nossa atenção, a nossa mente. Consegue até afectar a nossa inteligência. Eu sinto-me mais criativo quando estou cansado, mas tenho menos vontade de criar. Só não gosto de me cansar por causa de outros, por causa de outros mo exigirem. E é por isso que me sinto tão cansado: por que tenho feito a corrida de outros.

Peço desculpa por vos submeter ao fruto do meu cansaço, mas como vocês talvez estejam tão ou mais cansados que eu, vão ler, ou não, passando os olhos por cima, e achar que o que eu escrevi é perfeitamente normal, como eu acho aliás, neste preciso momento.

3 comentários:

marteodora disse...

Como hoje é início de fim-de-semana, aproveite o descanso!
E que lhe saiba pela vida, caro JP.

jp, le miserable disse...

muito obrigado!

sem dúvida escolhi uma boa altura para estar cansado! :)

cumps

Mah disse...

Adorei o texto.